segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

Menina de 14 anos vence o prêmio para novos talentos da Shogakukan


O ANN noticiou que uma menina de 14 anos chamada Ran Tokiwa venceu o grande prêmio para novos talentos da editora Shogakukan.  Seu mangá de estréia, e que lhe deu o prêmio, Idol Kyūkō (アイドル急行) está sendo publicado na revista Ciao.  Uma das juradas da premiação, Setona Mizushiro, acredita que a historia tem personagens de fácil compreensão pelos leitores e que a autora desenha belamente, menina tem um grande futuro pela frente.    Outra jurada, Keiko  Notoyama reforça  que a história é de fácil compreensão e tem cenas excitantes.  

Tokiwa diz que decidiu desenhar mangá graças a admiração por Fujiko F. Fujio (Doraemon) e agradece aos amigos e parentes, e em especial a sua mãe, por apoiá-la.   A matéria do ANN relembra  que em se tratando de shoujo mangá, a precocidade não é algo tão estranho e cita a idade de estréia de outras mangá-kas:  Anko Mochitsuki com 14 anos em 1991; Chinami Tsuyama tinha 15 quando estreou em 1995; Megumi Mizusawa estreou com 16 anos em 1979.  E há outros casos, como Machiko Satonaka, que desencadeou a entrada em massa de mulheres no mercado de mangás, estreou com 16 anos em 1964.

GOSTOU?

2 pessoas comentaram:

Nossa!! Que coisa mais legal de se ver! Eu sempre acho tão bom quando a família apoia algo que você gosta, e quando entra uma mãe, eu tenho certeza que a pessoa fica ainda mais confiante para seguir em frente.

Eu acredito que cada um é responsável pelo seu próprio destino... mas também acredito que um ambiente favorável ajuda e muito: enquanto a mãe dela incentivava nos desenhos, a minha só falava para arranjar um emprego e deixar isso como "Hobby". Hobby?? Que Hobby!? Eu lá sou Batman para querer um.

Estou com inveja no bom sentido (se é que isso existe mesmo), pois sempre gostei de desenhar e fazer histórias em quadrinhos desde de muito pequeno, mas nunca fui incentivado e reconhecido pela família, mesmo tendo um pai milico que trabalhava na função de desenhista, uma mãe que também desenhava e TODOS meus irmãos também, que com passar do tempo foram deixando pra lá e hoje em dia nem desenham mais, triste isso.

Desculpa o desabafo, mas as vezes notícias como essa as vezes me coloca pra baixo. Sei que isso não é desculpa, entretanto como já disse: é bom quando ambiente ajuda, coisa que infelizmente não se tem muito no Brasil. Parabéns para jovenzinha.

Related Posts with Thumbnails