segunda-feira, 19 de dezembro de 2016

5 Cenários de anime que já cansaram os japoneses

Fushigi Yuugi consegue juntar três dos cenários mais detestados.
O Rocket News 24 publicou uma pesquisa do portal My Navi Gakusei no Madoguchi com 269 universitários (129 rapazes e 140 moças).  A pergunta?  Qual o tipo de cenário de anime era mais cansativo para eles?  O objetivo era se remeter à idéia de repetição.  Os resultados foram os seguintes:

Troca de corpos?!  Como esquecer de Ranma 1/2?
1.  Troca de corpos -> Uma personagem troca de corpo com a outra, ou divide com ela o mesmo corpo.  Eu realmente não lembro de tantos animes e mangás de troca de corpo, ou melhor, não consigo ver esse tipo de plot como tão recorrente.

Verdade que esse povo não gosta de viagem no tempo, Lucius?
2. Viagem no Tempo -> Mesma coisa neste caso.  Há vários animes e mangás com viagem no tempo, mas eles não me aprecem tão numerosos a ponto de serem cansativos.

Confesso!  Eu acompanhei parte de Love Hina!
3. Harém -> Para mim, deveria ser o número 1 desse ranking;

Sword Art On Line é um dos queridinhos de muita gente.
4. Universo alternativo -> Comum, verdade, mas não me incomoda, também.

Como esquecer de Dragon Ball?
5. Personagem que volta do mundo dos mortos -> Muito, muito, muito comum, mas me incomoda pouco.

Sabe as tramas que me parecem repetitivas?  Amigos de infância que se apaixonam; promessa de infância que o mocinho, ou a mocinha precisa cumprir; apocalipse ou pós-apocalipse; e harém, claro.  O resto, me incomoda pouco.  E para vocês?  Quais os cenários que mais incomodam?

GOSTOU?

6 pessoas comentaram:

1- Harem, principalmente com o personagem masculino sendo idiota...
2-Protagonista que quer ser o maior ...(insira o titulo aqui) do mundo, sem nenhum motivo aparente.
3- O inimigo que todos diziam ser o mais poderoso do universo, até que aparece outro de quem ninguem tinha falado antes e declaram que é o mais forte.
4- A protagonista de shoujo que é considerada "burra".
5-Amigos de infância que se tornam inimigos mortais, por nada.

ca de corpo é um clichê bem comum nos desenhos animados ocidentais. Em anime, só me lembro de ter visto em Shoujo Kakumei Utena.

Eu acho que faltaram vários clichês chatos de verdade.

1. Personagem que está sempre atrasado para a escola. Pode ter certeza de que ele ou ela vai esbarrar na sua futura cara-metade.
2. O garoto que cai em cima dos seios, bumbum ou entre as pernas da garota e passa a ser rotulado como um tarado. Ou que vê a garota pelada. Há vários vídeos no youtube e artigos na Neo Tokyo reclamando, é algo que precisa ter mesmo um fim.
3. Pais, mães, avós, etc, que "educam" na base do tapa. Às vezes o filho ou filha nem está sendo mal-educado, diz alguma coisa razoável e PLAF! Tapão na cara. Dá vontade de chamar o Saitama.
4. Garotas mágicas. Tirando a Madoka, que deu uma renovada dark no gênero, e a eterna Sakura... não dá. Não dá mesmo.
5. Transformações e níveis de força infinitos. Uma das coisas que estou gostando em Dragonball Super é que Goku e Vegeta mostraram ter seus limites. Porque, vou te contar, depois de um ponto...
6. Gente rica demais, demais, demais, daquele tipo pra quem os empregados são mais pai e mãe do que os biológicos.
7. Mundo fantástico medieval, estilo Senhor dos Anéis. Eu adorava esse gênero, mas já deu o que tinha que dar, é sério. Substituam os elfos e dragões por algumas raças novas.




*Mesmo quando a personagem feminina é forte, ela vai ser salva pelo cara.
*A ideia de príncipes, do garoto ídolo/príncipe da escola/trabalho/universidade.
*Personagens masculinos desejados pela mocinha são na prática muito pouco desejáveis...
*A ideia de escola/universidade de ricos ai tem esse grupo de meninos que são os mais ricos e a protagonista é pobre batalhadora.
*A mocinha se apaixona sem motivo algum pelo cara, mas tá tudo bem pq ele é bonito. E não falo apenas de amor a primeira vista.
*A mocinha está em alguma posição de servidão/submissão em relação ao mocinho.
*Chantagem.

* A menina se apaixona pelo cara mais bonito da escola, que é um babaca, faz ela comer o pão que o diabo amassou, daí aparece um cara muito mais legal e que gosta realmente dela, mas no final ela fica com o "bad boy" porque ele se redimiu (graças a mocinha)e a acaba perdoando ele - muitas vezes até casando com ele.
* A menina pobre q perdeu os pais em um acidente recentemente e ficou sem família e sem lar que acaba por ir trabalhar numa puzta mansão e se apaixona pelo herdeiro da família e que no final acabam casando.
A mãe ou o pai casam novamente e de quebra a menina acaba tendo um irmãozinho q, coincidentemente é o cara mais lindo da escola e estuda na mesma classe q a protagonista. E no final acabam juntos/casando também.

1 - Mocinha gama num cara que é escroto em várias ocasiões, mas fica com ele no final. E uma porrada de menina acha isso fofo.
2 - O cara vai parar em uma escola de guerreiros mágicos que lutam com espadas ou armaduras tira o trono de mais forte de uma garota (normalmente rica), a derrota e ela se apaixona por ele, assim como mais um grupinho de 5 meninas (ou mais e pode incluir a irmã mais nova de sangue) formando um harém de meninas que até são fortes, mas precisam ser salvas. Só vi UM em que ele decide com quem fica em menos de 13 episódios, mas ainda tinha o harém.
3 - Meninas lutam até ficarem semi-nuas, ou completamente nuas, mas os caras continuam muito bem vestidos.
4 - Meninas se pegando e não é yuri, mas sim um ecchi de luta onde você pode escolher entre 30 possíveis waifus quando for comprar um daqkimacura. Sim, estou olhando para você, Valkyrie Drive.
5 - Harém reverso, seja de idols, colegas de escola ou o que for, em de a protagonista é passiva e precisa ser ajudada pelos garotos o tempo todo, mesmo que ela tenha se aproximado, foi admitida no clube ou contratada para fazer o inverso.

*personagens principais acabam morando juntos, ou viram vizinhos, por qualquer motivo aparente
*TRIANGULOs AMOROSOS SEM SENTIDO ALGUM!
*Harém, concordo, devia ser o primeiro, tem pelo menos três por temporada
*Não é necessariamente um tema, mas estou cansada de personagens principais cujos pais existem mas não são presentes pq estão viajando/trabalhando fora

Related Posts with Thumbnails