sábado, 8 de setembro de 2018

Primeira tenista japonesa a chegar a uma final de Grand Slam enfrente Serena Williams hoje


Essa madrugada, apareceu na minha TL do Twitter a notícia de que a tenista Naomi Osaka, hoje, 17ª do ranking, é a primeira japonesa a chegar a uma final de Grand Slam, neste caso, o Aberto dos EUA.  Daí, ao olhar a foto, vi que Osaka é negra.  Ela nasceu no Japão, assim como sua irmã mais velha, que também é tenista, e recebeu o sobrenome de solteira de sua mãe, Tamaki Osaka.  


Seu pai é haitiano e se chama Leonard "San" François.  Seus pais se conheceram estudando na Universidade de Nova York e se casaram nos EUA.  Naomi e sua irmã, Mari, passaram parte da sua infância no Japão, mas cresceram nos Estados Unidos.  Agora, a moça de 20 anos terá seu grande desafio, enfrentar serena Williams.


Confesso que não acompanho partidas de tênis, as que vi inteiras são as de anime, Ace wo Nerae  (エースをねらえ!) e Prince of Tennis ((テニスの王子様), especialmente, mas sigo as notícias e sou fã de Serena Williams.  Enfim, espero que Naomi inspire outras meninas japonesas a se tornarem tenistas, que ajude a diluir um pouco do racismo, claro, e que ela vá longe.  Não acredito que a jovem japonesa vença hoje, mas ela só tem 20 anos e, bem, enfrentar Serena, ainda mais mordida por conta das perseguições sofridas pelas mulheres recentemente (*1-2*), será missão (quase) impossível. Aliás, segundo a BBC, Serena é o grande ídolo de Naomi Osaka. 💚


P.S.: E não é que a japonesinha ganhou (*1-2*)? 😱😱😱😱

GOSTOU?

0 pessoas comentaram:

Related Posts with Thumbnails