sexta-feira, 28 de agosto de 2020

João Pessoa serve de modelo para cidade de história da Mulher Maravilha


Hoje, fiquei sabendo que João Pessoa, capital da Paraíba, serviu de modelo para uma cidade de uma história publicada na última edição da revista da Mulher Maravilha lançada nos EUA (Wonder Woman Annual #4).  O desenhista da edição, Jack Herbert, é nascido na Paraíba e ele explicou o motivo da cidade ter sido usada como ambientação para a história:


“O editor entrou em contato comigo e me passou o e-mail do roteirista. A gente conversou e o roteiro dizia que a história ia se passar em uma cidade no litoral do Brasil. É uma cidade fictícia, porque nela só moram mulheres, mas o editor disse que teria que ser uma cidade crível, com cara mesmo de cidade brasileira, e me passou umas referências na Bahia. Como eu tive liberdade de escolher a ambientação, resolvi fugir do clichê de Rio de Janeiro e Salvador e resolvi ambientar em João Pessoa, que é a cidade onde moro”.


Segundo o G1, a história escrita por Steve Orlando começa com a Mulher-Maravilha sendo convocada para uma reunião com o conselho das amazonas por ordem da própria mãe. Uma cidade misteriosa, com uma nova tribo de guerreiras amazonas, surgiu do nada no litoral brasileiro e ninguém sabe explicar de onde veio. A cidade está cercada por uma bolha de energia e, dentro dela, as moradoras sofrem de estresse e tensão psicológica por lidar com uma realidade distorcida.


Enfim, a matéria do G1 traz várias ilustrações da revista, há mais no Instagram de Jack Herbert, e fala dos lugares reais que inspiraram as locações, como o hotel Tambaú.  Eu reconheci logo, porque passei na frente dele. Achei muito legal que tenham deixado o desenhista fugir do óbvio e mostrar uma bela cidade (*pelo menos, a parte que eu vi era*) como João Pessoa. Mas como eu fiquei sabendo dessa história da Mulher Maravilha?  Por um print sem noção:


Percebem como o moço é alucinado e não abriu a matéria antes vomitar essas bobagens?  Mas, claro, passou carteirinha de macho escroto que gosta de passar vergonha na internet.  Para quem quiser, a revista pode ser comprada no Amazon em sua edição digital.

GOSTOU?

1 pessoas comentaram:

Se ele não me engano, realmente existe uma cidade brasileira onde só mora mulheres, mas é uma cidade do interior.

E até que a idéia desse alucinado é boa, afinal existe alguns heróis americanos que são baseados de uma certa forma em pessoas reais, então a gente poderia fazer o mesmo também.

Related Posts with Thumbnails