sábado, 9 de dezembro de 2017

Kono Manga ga Sugoi! 2018: Melhores Mangás femininos


Todos os anos, e isso já vem de um bom tempo, aguardo o lançamento do guia Kono Manga ga Sugoi! (*Este mangá é legal!*) e, ontem, os meus sites de referência (*Comic Natalie, ANN, Manga Mag etc.*) estavam com os três rankings.  São lançados três, melhores mangás femininos e masculinos, mais recentemente, melhores revistas.  O Kono Manga ga Sugoi!  é somente um  guia de referência, mas é muito respeitado e é publicado pela editora Takarajimasha  desde 2005.  Votam para a confecção do guia editores, autores, livreiros e outros convidados, são 400 participantes ao todo.  Podem ser eleitos para o guia mangás que tenham sido publicados entre 1 de outubro de 2016 e 30 de setembro de 2017.  Segue a lista feminina:

1. Marronnier Oukoku no Shichinin no Kishi (マロニエ王国の七人の騎士) de Nao Iwamoto
2. Poe no Ichizoku ~Haru no Yume~ (ポーの一族~春の夢~)de Moto Hagio
3. Satoko to Nada (サトコとナダ) de Yupechika, Mary Nishimori
4. Tasogare Takako (たそがれたかこ) de Kiwa Irie
5. Timeslip Otagirl (タイムスリップオタガール) de Yoko Sasaki
6. Sanju Mariko (傘寿まり子) de Yuki Ozawa
7. Kimi wo Shinasenai Tame no Monogatari (きみを死なせないための物語) de Toriko Gin e Senta Nakazawa
8. Strange (ストレンジ) de Yuruco Tsuyuki 
9. Oukii Inu (大きい犬) de Sukeracko
10. 7SEEDS (セブン シーズ) de Yumi Tamura
11. Cardcaptor Sakura: Clear Card Hen (カードキャプターさくら クリアカード編) de CLAMP
12. Utakata Dialog (うたかたダイアログ) de Kaoru Inai
13. Zassou-tachi yo Tashi wo Idake (雑草たちよ 大志を抱け) de Aoi Ikebe
14. Allen to Doran ~Sono Shinto to Rinjin~  (アレンとドラン ~その信徒と隣人~) de Mikoto Asou
14. Reportage (ルポルタージュ) de Kiko Urino 
16. Nireko's Sketch (にれこスケッチ) de Masane Kamoi 
16. Limbo the King (リンボ ザ キング) de Ai Tanaka 
18. Mangaka to Yakuza (漫画家とヤクザ) de Coda
19. Uramichi Oniisan (うらみちお兄さん) de Gaku Kuze 
19. Wakusei Closet (惑星クローゼット) de Tsubana


Deu um certo trabalho conseguir o nome original de algumas obras, por isso, não peguei simplesmente o que estava no ANN e joguei.  Sempre gosto de ter uma idéia de onde sai o mangá.  Às vezes, é webcomic, há casos que  série está em revista considerada shounen, ou seinen.  É raro, mas a gente precisa marcar isso.  Por exemplo, esse é o caso de  Wakusei Closet.  Descobri, também, que Strange é BL.  Não me lembro de outro BL no guia.  Acho que publico desde 2010, 2011.


Um dos fatos importantes de 2017 é que o melhor mangá é novamente de Nao Iwamoto.  Ela ficou em primeiro ano passado com Kin no Kuni Mizu no Kuni (金の国水の国) e repetiu esse ano, porque recebeu mais votos.  Preciso tentar achar alguma coisa desta mulher para ler.  Agora, e quando for publicar o ranking das revistas, vocês vão ver, a Flowers repetiu como melhor revista na opinião dos votantes.  É na Flowers que Iwamoto, e outras que aparecem no guia, publicam.  É uma revista com uma equipe fantástica de mangá-kas.


Dentre os mangás mais ou menos desconhecidos que aparecem na lista, dois eu citei aqui no Shoujo Café.   Satoko to Nada trata da amizade entre duas universitárias que dividem o alojamento, uma japonesa e a outra, saudita, que dividem o quarto.  Mangaka to Yakuza é um mangá erótico - pornográfico, seria a melhor palavra - sobre o relacionamento "estranho" de uma mangá-ka com um mafioso.  Eu gostei, torço por uma animação (*mas não de baixa qualidade*), ou dorama, que elimine os exageros (*vai ter que ser assim, não vai rolar todo aquele sexo MESMO*) e fique com a história e as personagens que valem muito a pena.

GOSTOU?

0 pessoas comentaram:

Related Posts with Thumbnails