quinta-feira, 20 de dezembro de 2018

Lançado o último volume de Chibi Maruko-chan


Como vocês deve estar informados, mas se não sabiam, há um post, aqui, a criadora de Chibi Maruko-chan (ちびまる子ちゃん), Momoko Sakura, faleceu em agosto com míseros 53 anos de câncer de mama.  Chibi Maruko-chan é um dos mangás e animes mais importantes do Japão, porque, mesmo sendo shoujo, acabou entrando naquele nicho de “material para toda família”, como Doraemon (ドラえもん) e Sazae-san (サザエさん), que foi criado por uma mulher, verdade, tem uma mulher como protagonista, mas era tirinha de jornal.  Segundo o Comic Natalie e o o ANN, o #17 volume de Chibi Maruko-chan será lançado no dia 25 de dezembro.  Esse último volume terá material que não foi publicado na revista Ribon, inédito, portanto, o volume trará o primeiro capítulo da série que foi redesenhado pela autora para comemorar o 25º anos de estréia da série. 

Também no dia 25 de dezembro será lançado o segundo volume de tirinhas, na verdade paródias, do mangá original, chamado Chibi Shikaku-chan (ちびしかくちゃん).  Alguns autores fazem esse tipo de coisa.  Essa versão foi publicada entre 2007 e 2011.  Riyoko Ikeda, autora da Rosa de Versalhes, fez tirinhas cômicas da sua série mais famosa chamado Berubara Kids (ベルばらKids).  
Chibi Maruko-chan foi publicado na Ribon entre 1986 e 1996, vendendo mais de 32 milhões de cópias.  A série tem tons autobiográficos e conta a história de uma menina da terceira série e sua família classe média baixa no ano de 1974.    A autora lançou outros mangás derivados de Chibi Maruko-chan, inclusive em revista seinen, o que confirma o que eu escrevi no primeiro parágrafo, isto é, que a série se tornou algo para toda a família, além de evocar a nostalgia dos adultos que cresceram nos anos 1970.  Chibi Maruko-chan teve uma série animada entre 1990 e 1992, além de outras animações comemorativas e live actions.

GOSTOU?

0 pessoas comentaram:

Related Posts with Thumbnails