domingo, 4 de agosto de 2019

Mangá sobre surfistas havaianos e um japonês cadeirante vai aquecer seu coração


O Goboiano fez um post sobre uma experiência peculiar de um japonês cadeirante e que termina vivendo uma das melhores experiências de sua vida no Havaí.  O autor da história, que é bem curtinha.  


O tio do autor sofreu um acidente e fraturou a coluna.  Passou dois anos em terapia para conseguir recuperar parcialmente os movimentos e decidiu, depois de recuperar um pouco de suas forças, decidiu rever as praias de Waikiki, no Havaí.
Dois jovens havaianos de aproximam do japonês e puxam conversa.  O homem, que fala inglês, se assusta e responde que não tem dinheiro.  Os havaianos nem dão bola para a reação e perguntam se ele não gostaria de nadar.  Eles insistem e o japonês cede, os havaianos o carregam para dentro d’água e os três passam algum tempo se divertindo na praia.
Depois da experiência, o tio do autor ainda espera ter que pagar pelo “serviço”, e se envergonha por ter pensado mal dos rapazes, mas eles agradecem e dizem que o prazer foi deles.  Terminam dizendo para o japonês que fizeram por ele o que gostariam que alguém fizesse por eles se, por acaso, estivessem na mesma situação.
Chegando no final da história, o autor revela que seu tio tinha uma doença terminal.  Ele já sabia disso ao viajar para o Havaí, tratava-se da última viagem de sua vida.  Além da viagem, ele viveu uma das experiências mais importantes de sua existência e contou para o sobrinho.  Segundo o autor, seu tio morreu com uma expressão de paz no rosto e aparentemente feliz pelos últimos dias de sua vida.
Kiyomaro tem uma identidade no Twitter e publica seus mangás lá, normalmente, pequenas histórias como essas, experiências que alguém lhe contou e que ele transforma em arte e divide com o mundo.

GOSTOU?

0 pessoas comentaram:

Related Posts with Thumbnails