quinta-feira, 30 de janeiro de 2020

Filme brasileiro está entre os selecionados para o Urso de Ouro


Saiu a seleção final para o a mostra principal do Festival de Berlim, serão 18 filmes ao todo e um deles é “Todos os mortos”, de Caetano Gotardo e Marco Dutra.  Segundo o RFI, "“Todos os mortos” se passa no final do século 19 e conta a história do declínio de uma família de São Paulo contada por três mulheres, a mãe, Isabel, e as irmãs, Maria e Ana. A trama se desenrola a partir da morte da empregada doméstica da casa, que era escrava na fazenda de café da família".  Procurei trailer, mas acredito que não saiu ainda. 


Ao Estadão, Marcos Dutra falou sobre o processo de criação do filme, que uma das ideias era discutir a escravidão e seus desdobramentos para o Brasil de nossos dias, e que "(...) a intenção nunca foi fazer um filme de época pelo estilo. O viés é contemporâneo, e por isso, apesar de todo o cuidado, o que importa é a ressonância atual. O filme pode ser de época, mas a tragédia brasileira é permanente. (...)".  Vai ter gente trovejando contra o filme.  O artgo do Estadão cita outros filmes brasileiros, começando com Sinhá Moça, que tratavam da escravidão e participara do Festival de Berlim.  O evento deste ano ocorre de 20 de fevereiro a 1.º de março e teremos 19 filmes brasileiros estreando no festival.  

GOSTOU?

0 pessoas comentaram:

Related Posts with Thumbnails