quarta-feira, 9 de julho de 2014

Misoginia comendo solta depois da derrota da seleção ou a culpada é a psicóloga


O que é misoginia?  É o ódio às mulheres e tudo o que a elas está associado.  Misoginia se manifesta em piadas, em cerceamento da liberdade feminina, em depreciação de tudo o que está associado às mulheres, etc. No futebol, a misoginia explode em vários momentos, especialmente, nas derrotas.  São analogias com estupro, xingamentos depreciando as mulheres aplicados aos jogadores, imagens e bundas sendo penetradas por pênis, xingamentos à presidenta, e tudo o que há de pior.  É como a explosão de racismo, só que como só atinge as mulheres (*ainda que simbolicamente*) a indignação é mínima.  Esse comentário abaixo, veio do Pragmatismo Político, site de esquerda, e estava atrelado a um daqueles artigos bobos cheios de patriotadas.  O título era Cinco Motivos para Acreditar que o Brasil pode Vencer a Alemanha.


Alguém acredita que essa pessoa seja psicóloga? Qual a formação? Será que é mulher mesmo?  Enfim,  acharam novo culpado e é uma mulher: a psicóloga da seleção.  Seria cômico, mas é somente mais uma expressão de desprezo pelas mulheres.  Faltou virilidade, os jogadores foram emasculados pela psicóloga que deveria ajudá-los. Fora, claro, o desprezo por um campo profissional importante.  Ser psicólogo/a é exercer um trabalho que pode salvar vidas, ajudar a consertar caminhos, a descobrir novas possibilidades, a superar o passado, a acreditar nas suas potencialidades.  Triste que muita gente ainda despreze profissionais que, em sua maioria, são muito importantes para a saúde mental de todos os que os procuram.

GOSTOU?

2 pessoas comentaram:

O Brasil ainda vai morrer por pura falta de bom senso.

Olha, me formei em psicologia ano passado e durantes meus anos de estudo e trabalho na área eu já ouvi cada coisa sair da boca de psicólogos por ae. Infelizmente, no Brasil temos alguns problemas em relação ao ensino da Psicologia.

Related Posts with Thumbnails