quarta-feira, 26 de agosto de 2015

Mangá de Miki Aihara deve virar dorama


O Animeland noticiou que a revista que o mangá From 9 to 5 ou 5-ji kara 9-ji made (5時から9時まで) de Miki Aihara terá um Drama CD, que será brinde da edição limitada do volume #11, e uma outra adaptação ainda não revelada...  Pelo perfil da série, dificilmente será anime, daí, o site francês aposta em dorama (*há rumores de que a série estreará na Fuji TV no outono japonês*), mas pode ser filme para o cinema, também.  From 5 to 9, que é uma série que vende bem, deve ter um público mais velho, daí a aposta na novela com atores e atrizes de carne e osso.


Para quem não conhece a história – e há scanlations da série – um resumo: Sakuraba Junko está para completar 27 anos e é professora de inglês.  Ela não tem um namorado e está preocupada em se casar, mas não encontra o homem certo, por conta disso, já se conformou em passar o aniversário sozinha.  As coisas começam a mudar quando ela vai a um omiai – um encontro arranjado por terceiros com uma pessoa que você não conhece – e conhece um monge, que é descartado imediatamente.  Só que o moço aparece em roupas civis na escola de línguas onde a protagonista trabalha e contrata aulas particulares...


Miki Aihara é uma mangá-ka com uma sólida carreira e muitos fãs, seu mangá mais conhecido talvez seja Hot Gimmick, que chegou a ser anunciado pela Conrad e nunc apareceu.  Eu li todo Hot Gimmick (ホットギミック) e dei uma olhada em So Bad!  e Sensei no Okiniiri!  (先生のお気に入り!).  Enfim, gosto da arte dela, mas não gosto de suas histórias, e, por isso mesmo, acabei nunca tendo a coragem de olhar.  Aihara é especializada em produzir heroínas submissas, ou colocadas em situações muito constrangedoras (*caso de So Bad!*), que se sujeitam à toda a sorte de humilhações por parte dos parceiros, e situações picantes, com ou sem sexo.   Mesmo quando ela trabalha com harém reverso o objetivo parece ser multiplicar as possibilidades de situações sexuais de opressão e humilhação para a mocinha. Sinceramente?  Não curto isso, não acho romântico.  Talvez, em um dorama a coisa funcione diferente, talvez este último mangá seja melhor, mas eu não vou colocar minha mão no fogo, não.


Voltando ao drama CD, ele cobrirá os capítulos 31, 33 e 52 do mangá.  O elenco de dubladores foi publicado na revista Cheese! e está no post do Animeland.

GOSTOU?

3 pessoas comentaram:

A protagonista é submetida a situações humilhantes e em um relacionamento abusivo nesse mangá, tem uma situação que com a justificativa mais esdruxula por parte do roteiro, a protagonista vai morar com o pretendente do omiai, e por ciúmes, ele simplesmente a tranca, ela acha tudo normal nem quando tem a possibilidade de fuga, ela grita. Fora que o cara quer que ela largue o emprego e ainda sabota o sonho dela de ir morar no exterior,enfim. então acho que as coisas não melhoraram.

Quando comecei a ler fiquei um pouco entusiasmada, quando soube que era da mesma criadora de Hot Gimmick, desencantei, mas o comentário da Juliana me deixou meio indignada... Como esse tipo de roteiro fica famoso? Não consigo acreditar que hajam mulheres que gostem de ser tratadas dessa forma por uma pessoa que ela supostamente ame.

Related Posts with Thumbnails