quarta-feira, 5 de abril de 2017

Obra mais importante de Ryouko Yamagishi ganha exposição em Kyoto


Sei que dizer que Hi Izuru Tokoro no Tenshi (日出処の天子)  é a maior obra de Ryouko Yamagishi pode ser exagero, afinal, a mulher lançou as bases do shoujo-ai e tirou os mangás de balé, algo comum desde as origens do shoujo mangá, da sua zona de conforto.  Só que Hi Izuru Tokoro no Tenshi é a obra que deu um upgrade em sua carreira, porque ela pegou uma das mais importantes personagens da história do Japão, o Príncipe Shotoku, o sujeito que iniciou a importação do Budismo e da cultura chinesa para o país, e o transformou em protagonista em uma história BL.  Sim.  E ela foi aclamada pela crítica, pelo público e pela academia pelo rigor com que tratou a história, mesmo inserindo elementos de fantasia.


Segundo o Comic Natalie, a exposição será aberta no dia 27 de maio no Museu Internacional do Mangá em Kyoto e contará com 30 novas ilustrações de Ryouko Yamagishi para a série.  Serão ao todo mais de 200 ilustrações incluindo outras séries da autora, como seu novo mangá Revelation - Keiji  (レベレーション -啓示-), que está em publicação na revista Morning.  A base para a exibição, que não incluiu as 30 novas ilustrações de Hi Izuru Tokoro no Tenshi , foi apresentada em Tokyo, no Yayoi Art Museum, em setembro do ano passado.  

Como o museu do mangá está ligado à Universidade Kyoto Seika, a primeira a ter cursos de graduação e pós-graduação em mangá, teremos seminários e palestras sobre a obra de Yamagishi a partir de abril.  A página da exposição é esta aqui.  Deve ser muito interessante.  Ah, sim!  A capital do Japão na época do Príncipe Shotoku era em Nara, não em Kyoto.

GOSTOU?

0 pessoas comentaram:

Related Posts with Thumbnails