segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Mercado de mangá nos EUA passa por novo boom


Segundo o Goboiano, a CEO do site ICV2, especializado em mercado de quadrinhos nos EUA, deu entrevista na qual apontou o crescimento de 29% das vendas de mangá no mercado norte americano.  Em 2015, o aumento foi de 15%, em 2014 e 2013 foi inexpressivo.  Os novos volumes de My Hero Academy e One Punch Man vem liderando as vendas mensais da Book scan.  

A CEO creditou o aumento a determinadas licenças, como Pokemon da VIZ, mas a Executiva da Bookscan, Kristen McLean, pensa diferente.  Para ela, o que vem puxando as vendas são os mangás de fantasia, horror e romance, gêneros que vem revigorando o mercado de mangá.  E eu usei revigorando, porque o Shoujo Café é velho o suficiente para lembrar do encolhimento do mercado norte-americano após o primeiro boom: títulos cancelados, editoras fechando, selos suspensos etc.

Segundo a notícia, o impulso do Mercado de mangá vem da renovação dos leitores, jovens que estão descobrindo agora os quadrinhos japoneses, da proliferação dos formatos digitais (*verdade, tem facilitado MUITO a minha vida*) e das possibilidades de compra em grandes cadeias de lojas, além, e isso é muito importante, especialmente, se pensamos nas leitoras, da diversidade de tipos de histórias que os mangás oferecem.  


Outra coisa, e isso é fundamental, os levantamentos anteriores tendiam a verificar somente os canais tradicionais de vendas, como as comic shops.  Daí, sempre pareciam títulos da DC e da Marvel em primeiro lugar.  E já veio bobão me esfregar esses dados na cara anos atrás, porque, bem, você não está falseando números, mas oferecendo números incompletos.  Agora, incluindo canais não tradicionais de venda, parece que pegou fogo no galinheiro, afinal, duas atrás saiu uma matéria dizendo que a VIZ estava matando o mercado de quadrinhos americanos, isto é, incomodando as duas grandes editoras, a DC e a Marvel.

Terminando: eu quero é mais.  Quanto mais diverso for o mercado, melhor.  Esses mesmos canais que vendem mangá, vendem, também, quadrinhos norte-americanos que não são mainstream. E, acredito, continuarão vendendo.  O que não pode é as editoras de mangá se empolgarem e fazerem como aconteceu na quebradeira anterior, lançaram muita coisa ao mesmo tempo, com qualidade duvidosa, em alguns casos e histórias muito parecidas.

GOSTOU?

1 pessoas comentaram:

Na verdade os comics é que tão se matando!! O duopólio DC-Marvel é danoso ao mercado dos EUA.E que bom que o Viz vende comics fora do Eixo*. Isso ajuda muito!Essa chiadeira contra Viz lembra chiadeira nas Oropa contra mangá.
Ah, como é o mercado de comics no Japão?

Related Posts with Thumbnails