quinta-feira, 14 de dezembro de 2017

Netflix anuncia remake de She-Ra


Começo dizendo que não sou fã de She-Ra, ou He-Man.  Gente como eu assistia esses desenhos, porque, bem, só havia coisas assim na TV para a gente ver, não havia escolha, não era "vou assistir She-Ra, porque é melhor que Pole Position.".  Havia a hora do desenho X e do desenho Y e era aquilo, não adianta.  Agora, verdade, é que She-ra era importante para a gente, as meninas, porque ela era a heroína, uma mulher forte, independente. Era o mais próximo de uma heroína feminsita que nós tínhamos. Eu gostava mais da Adora, torcia por ela e pelo Gavião do Mar.  Só que era um desenho bem rasinho.  Muito mesmo.

OK, segundo vários sites (*Variety, Gizmondo*), a série que fez sua primeira aparição em 1985, estreia ano que vem na Netflix.  O mais importante?  A responsável pelo projeto é Noelle Stevenson, a jovem quadrinista de Lumberjanes (*elogiada HQ feminista*) e vencedora do Prêmio Eisner.  Vamos ver no que isso vai dar. Pode sair algo interessante, sim.  O site oficial de Stevenson é este aqui.

GOSTOU?

1 pessoas comentaram:

Eu gostava de cavalo de fogo <3 fiquei impressionada quando descobri q só existem 13 episódios. Devo ter assistido um pouco She-Ra, mas não tenho muitas lembranças.

Related Posts with Thumbnails