quinta-feira, 26 de dezembro de 2019

Feliz Natal e uma pequena reflexão!


Em épocas festivas, mangá-kas costumam postar ilustrações no Twitter, este é de Saint Oniisan ( 聖 ☆おにいさん), de Hikaru Nakamura.  Trata-se deum mangá seinen, que mostra dois jovens de férias em Tokyo, um deles é Jesus, o outro, Buda.  Eles tem poucos recursos e querem permanecer incógnitos, mas, sendo quem são, acabam atraindo atenção e provocando certas confusões.  Agora, a reflexão e não é ainda um texto sobre o Porta dos Fundos (*estou devendo, eu sei*), mas a sede do grupo sofreu um atentado na véspera de Natal.  No Rio, por razões de segurança e outras desculpas variadas, a maioria das igrejas evangélicas não tem mais culto neste dia.  Deve ter sido o tédio que moveu os três sujeitos (*homens, sempre homens, ainda bem*) a atirarem os coquetéis molotov.  

Hoje, um grupo intitulado Comando de Insurgência Popular Nacionalista assumiu o atentado, se verdade, ou não,  cabe pontuar algumas coisas.  Como ostentam o símbolo do Integralismo, nosso partido fascista tupiniquim, sei que se veem como cristãos, afinal, o lema do partido é "Deus, Pátria, Família".  "Ah, cristãos de verdade não fariam isso!"  Só digo o seguinte como alguém que tenta ser cristã e é batista: Se a pessoa se afirma como tal, frequenta igreja, canta para quem quiser ouvir que defende os valores cristãos e tudo mais, ela não pode ser excluída do grupo quando convém.  A gente tem que lidar com os problemáticos e, não, fingir que eles não existem e não tem nada a ver com a gente. 



Vamos assumir que nosso testemunho tem sido muito ruim, que os padrões das nossas igrejas tem caído, e que ideias radicais e violentas se enraizaram em nosso meio a tal ponto que, mesmo quando alguns dizem defender os "valores ocidentais" querem violar o estado laico, cercear as liberdades individuais e impôr leis de blasfêmia, que, em nossos dias, são algo típico das ditaduras islâmicas e outros regimes execráveis.

Mas queria que vocês, fãs de anime e mangá, refletissem sobre o seguinte, dada a radicalização (pseudo)religiosa que vivemos em nosso país, Saint Oniisan, esse mangá maravilhoso, NUNCA será lançado aqui. Iriam convocar boicote à editora (*mesmo gente que nem lê mangá,  iria participar do escândalo) e, caso fracassassem, tentariam conseguir que políticos censurassem o material, ou, quem sabe teríamos um atentado mesmo.  Estamos trilhando um caminho muito, muito perigoso.  E quem apoia esse tipo de violência, porque, bem, não aceita que outros não creiam no que você crê, ou por acreditarem que ser gay é uma ofensa sem tamanho, ou, pior, que Jesus não é capaz de se depender, está colaborando para que mergulhemos no obscurantismo.  Jesus não precisa de advogados, precisa de testemunhas.  Qual testemunho você vem dando? Para o resto do mundo, para os não cristãos, é isso o que realmente importa.

GOSTOU?

0 pessoas comentaram:

Related Posts with Thumbnails