terça-feira, 17 de novembro de 2020

Escola japonesa é criticada por fazer inspeção para saber se as meninas estão usando sutiã branco

Já postamos várias vezes no Shoujo Café matérias comentando os códigos de vestimenta das escolas japonesas, que envolvem, também, os cabelos, e como, pelo menos nos últimos anos, tem havido críticas a essas regras vistas como absurdas, ou desrespeitosas.  O extremo, acredito, é obrigar meninos e meninas que não tem cabelo natural castanho escuro, ou preto, a pintá-los para não se destacar dos demais, no entanto, há outras exigências.

Enfim, o Sora News trouxe uma matéria comentando que uma associação de advogados está acusando uma escola da prefeitura de Saga de violar os direitos humanos das alunas entre 12 e 15 anos de uma escola ginasial por obrigá-las a passar por uma inspeção periódica na qual são obrigadas a mostrar uma das alças dos sutiãs.  A matéria ressalta que a inspeção é feita por uma professora, mas que isso não reduz a humilhação e coerção.

Segundo o SN, a ideia de impôr um padrão de lingerie, as calcinhas também devem ser brancas, parte da ideia de que a roupa de baixo deve ser modesta e não deve ser vista através do uniforme.  Isso impediria a sexualização das meninas e a distração dos colegas.  Ora, o sutiã pode ser visto através da blusa branca se for muito colorido, mas calcinha em saia escura?  E quando as meninas mudam para aquele uniforme escuro de inverno?  Enfim, qualquer pessoa que acompanhe anime e mangá sabe que um item quase obrigatório em material com adolescentes é que a lingerie da menina seja ou branca, ou listrada de branco e azul.  O que supostamente foi imposto para proteger, tornou-se objeto de fetichização, vide a imagem acima.  

De resto, lembro que queriam exigir das meninas do Instituto de Educação da Tijuca, o mais tradicional do Rio de Janeiro, que elas usassem sutiã branco, ou cor da pele, e as meninas fizeram um protesto com uma fogueira de sutiãs.  Virou um escândalo, foi parar nos jornais e a direção da escola recuou.  E, olha, achei um artigo sobre a tal Rebelião dos Sutiãs, ela aconteceu em 1997.  Vocês podem ler aqui.  Essas exigências, na verdade, me parecem menos preocupação e mais exercício de dominação, formatação das meninas, e, em alguns casos, coisa de gente pervertida mesmo.

GOSTOU?

0 pessoas comentaram:

Related Posts with Thumbnails