domingo, 10 de maio de 2020

Coronavírus: Golgo 13 entra em hiato pela primeira vez desde 1968


Palavra que quando eu vi a notícia no The Jakarta Post (*sigo o jornal no Twitter*), temi que o criador da personagem, Takao Saito, estivesse doente.  Não está.  A questão é que Golgo 13 (ゴルゴ13), série que segue as aventuras do agente Duke Togo em suas ações pelo mundo, é produzido em um estúdio.  O autor tem o controle da personagem, mas há várias etapas da produção que contam com roteiristas, desenhistas e por aí vai.  É algo raro no Japão, mas Golgo funciona desse jeito.



A própria nota do autor e dos editores na revista Big Comic, que publica a série, diz o seguinte: "Dada a divisão de trabalho entre os funcionários da série de mais de 10, tornou-se cada vez mais difícil continuar produzindo o mangá, (...) Espero que você entenda (...) Não vamos ceder ao vírus e já estamos planejando o 600º capítulo. Por favor, tome cuidado."  Golgo 13 sai quinzenalmente, o próximo capítulo, o 599º sairá normalmente em 25 de maio, ele já está pronto, mas, depois disso, a série fica em hiato até que haja mais normalidade.  E é bom esclarecer uma coisa, o texto em inglês falava em "capítulo", mas eles são partes de uma "missão".  Golgo 13 é um mangá episódico, então, em um volume pode haver mais de uma missão formada por capítulos de 36 páginas nos quais todos os envolvidos são creditados, o criador, os roteiristas, os desenhistas etc.  A série está perto do volume 197.  Para se ter uma ideia, uma matéria do G1 trouxe a informação de que mais de 90% das UTIs em Tokyo está ocupadas com pacientes com COVID-19.

GOSTOU?

0 pessoas comentaram:

Related Posts with Thumbnails